fechar

Aprender Excel

APRENDER EXCEL

DICAS E NOVIDADES SOBRE EXCEL

Campeão mundial de Excel cobra investimento em educação no Brasil

por: Maximiliano Meyer em Notícias, no dia 08/08 | 09:13

Ian Leitão Ferreira, campeão mundial de Excel, considera que o Brasil investe pouco na educação tecnológica dos estudantes. 'Apesar de o conhecimento em informática ser exigido na maior parte das vagas de emprego hoje em dia, há pouco esforço do governo para formação área', observa.

Aos 20 anos, o jovem maranhense garantiu participação no Certiport Microsoft Office Specialist World Championship - que aconteceu no fim de julho, nos EUA - após fazer um exame de certificado oferecido pela Microsoft. Ao final do curso específico sobre o software de planilhas, Ian obteve a nota mais alta no país.

Nos EUA, a concorrência não foi pouca: havia 123 candidatos de 40 países. Durante o teste, os competidores tiveram de mostrar domínio do Excel 2007 a partir de um projeto impresso ilustrado com imagens. Levaria o título quem executasse o trabalho sem erros no menor tempo, sendo que o prazo máximo para elaboração das planilhas foi de 50 minutos.

'Mais de 740 mil exames foram submetidos como parte da competição e os campeões mundiais em Microsoft Office estão no topo de um grupo de elite formado por indivíduos que sabem como usar as ferramentas do Office efetivamente', declarou no blog oficial da Microsoft Brasil Bob Whelan, presidente e CEO da Pearson VUE, empresa de desenvolvimento de exames de certificação em tecnologia.

Segundo ele, ainda: 'A certificação de especialista em Microsoft Office continua a crescer em popularidade e permite que mais estudantes provem que têm habilidades acadêmicas e de trabalho para ter sucesso', complementou.

Além da taça, Ian trouxe para casa uma bolsa de estudos de R$ 11,5 mil, mas ainda não sabe como investir o dinheiro. Segundo ele, seu objetivo é aprofundar os estudos na área de tecnologia, na qual admite ter conhecimentos "básicos". Mas isso não parece ser um problema para seu futuro profissional: ao contrário do que o prêmio sugere, ele pretende seguir carreira na indústria de carros, embora diga que atuar na Microsoft seria uma "grande honra'.

E aí, ficou interessado? Acha que também consegue? Se quiser se inscrever, aqui está o link.  Boa sorte.

E para dar mais um incentivo, veja o que o nosso campeão falou: 'Antes dessa competição, eu pensava que a certificação iria me ajudar na minha carreira. Agora, com o prêmio, creio que tudo isso irá me ajudar muito, é inacreditável',

Para ver a entrevista completa, em inglês, segue o vídeo, abaixo:

Fonte: G1